terça-feira, 19 de maio de 2009

O USO DE TÉCNICA PROJETIVA EM PESQUISA DE ADMINISTRAÇÃO

2.4) Considerações sobre o caso

O caso apresentado levanta a seguinte questão: Porque o produto que foi substituído na lista era o café instantâneo? A que conclusões chegaria Haire caso substituísse o pó de fermento, por um fermento biológico? Talvez nessa resposta esteja um dos pontos fundamentais das técnicas projetivas. O pesquisador, de acordo com os princípios do fundamentalismo cientifico, faz escolhas em função de suas suspeitas. É importante ressaltar aqui a objeção ao método levantada por Catterall e Ibbotson. Os autores colocam que, existe sim consistência nas respostas obtidas através de técnicas projetivas, mas que as interpretações destas respostas são menos consistentes (2000 apud. BODDY, 2005). A influência do pesquisador é inegável, no momento de elaboração do instrumento e da pesquisa, assim a pergunta epistemológica que emerge liga-se exatamente a quanto esta suspeita também será condicionante das respostas encontradas. Conforme Rubem Alves:

Assim como os anzóis predeterminam os resultados da pescaria, os métodos predeterminam o resultado da pesquisa. Porque os métodos são preparados de antemão para pegar o que desejamos pegar. Essa é a razão porque se você faz uma pesquisa no campo da psicologia, usando uma metodologia behaviorista, comportamentista, na existe a mínima possibilidade de obter resultados favoráveis à psicanálise. (ALVES, 2000, p.113).

O método das técnicas projetivas, no entanto apresenta a curiosa característica de não estar necessariamente procurando uma resposta. Muitas vezes empresas empreendem pesquisas (não acadêmicas) com o intuito de entender esse ou aquele produto na cabeça do consumidor. Ora, se não se sabe qual tamanho de anzol escolhemos, nem qual isca usarmos, será que seremos capazes de pescar alguma coisa? Kassarjian (1974) elabora o seguinte questionamento: Validade refere-se ao grau em que uma técnica mede aquilo que se propõe a medir. Se as técnicas projetivas se propõe a medir motivações e valores escondidos, quão bem elas podem realizar estas medidas?

Um comentário:

Mariana Jorge disse...

Como posso saber masi sobre a técnica projetiva aplicada em pesquisa? Abs!